Encontre o que deseja mais rapidamente!
Digite o nutriente, alimento, doença ou assunto que deseja saber:

Doenças Cardiovasculares

As Doenças Cardiovasculares podem ser consideradas de uma maneira geral, como as que mais afetam os indivíduos do mundo inteiro no século atual. Vários fatores contribuem para esta situação.Vejamos quais são os principais:

Fatores Predisponentes às Doenças Cardiovasculares

Com o aumento da expectativa de vida da população e consequente mudança no estilo de vida dos indivíduos, esses fatores resultaram em um aumento da ocorrência das doenças cardiovasculares principalmente em pessoas na faixa etária de mais de cinquenta anos. Existem fatores que predispõem  à doenças cardiovasculares entre eles : Idade, hereditariedade, Gênero,e raça. Com relação a faixa etária as doenças cardiovasculares são mais comuns a partir dos cinquenta ou sessenta anos de idade; quanto a hereditariedade algumas famílias demonstram uma maior incidência de pressão alta e doenças cardíacas.

Segundo especialistas, os indivíduos da raça negra costumam apresentar com mais frequência o problema de  hipertensão arterial; quanto a questão de gênero as doenças cardiovasculares costumam ser mais comuns em homens e nas pessoas do sexo feminino no período de pós-menopausa, e após o procedimento cirúrgico de histerectomia também foi observado que há uma maior incidência.

Outros fatores que são passíveis de controle e adquiridos são: O vício do tabagismo que é um fator que pode favorecer a aterosclerose, que é um acúmulo de gordura nas paredes arteriais: a Hipertensão Arterial que pode ser controlada através de atividades físicas, dieta balanceada e medicação; o aumento de gordura no sangue ,quadros clínicos  conhecido como hiperlipidemia (aumento de gordura no sangue) e diabetes, ao sedentarismo, a obesidade  e o estresse.

Consequências das Doenças Cardiovasculares

Segundo dados estatísticos, as doenças cardiovasculares são as principais responsáveis por cerca de doze milhões de óbitos a cada ano em todo o mundo. Se não levar o paciente à morte  pode causar uma situação de incapacidade nas pessoas, como por exemplo sequelas de infartos, derrames cerebrais, insuficiência cardíaca e amputações em virtude de gangrena dos membros inferiores das pessoas afetadas por essas enfermidades.

Principais Complicações Associadas às Doenças cardiovasculares

Hipertensão Arterial

O coração, cérebro e rins acabam ficando sobrecarregados com o decorrer do tempo em virtude do aumento da resistência nos vasos sanguíneos periféricos. A pessoa que sofre de hipertensão e não está recebendo tratamento, corre o risco de seu coração apresentar um infarto ou angina e mais probabilidade de apresentar um derrame cerebral, em virtude  do aumento da resistência nos vasos   sobrecarregando o coração fazendo com que o órgão aumente de tamanho ou hipertrofie .

Além desses problemas, outros como aneurisma na aorta também pode ocorrer.

Aterosclerose

A aterosclerose pode ser definida por um aramazenamento de gordura nas artérias do sistema sanguíneo da pessoa que com o passar do tempo vão se obstruindo gradativamente, como consequência menos quantidade de sangue passa por essas artérias resultando no surgimento de enfermidades coronarianas hipertensão arterial,doença arterial obstrutiva e derrames cerebrais que podem surgir até mesmo na infância, mas afeta principalmente os indivíduos na faixa etária  a partir dos quarenta anos.

Grande parte das doenças cardiovasculares que se manisfestam no indivíduo adulto estão relacionadas com a aterosclerose. Em quadros clínicos de enfermidades onde há um aumento das gorduras no  sistema sanguíneo da pessoa, a aterosclerose surge quando as taxas de  colesterol conseguem superar a capacidade que o organismo humano possui  de retirar essa substância da circulação sanguínea, ocasionando desse modo o acúmulo da gordura no interior das paredes arteriais.

Vício do Tabagismo

A nicotina que é a substância que compõe o cigarro e outros elementos favorecem a contração da parede arterial, que por natureza possui uma camada maleável em sua parede,resultando em menos quantidade de sangue circulando pelas artérias. De acordo com especialistas, essa contração em artérias pequenas é um processo associadado a hipertensão arterial.

Outra consequência do vício do tabaco é que seus elementos podem causar uma irritação nas paredes dos vasos sanguíneos facilitando o acúmulo de gordura. Pode haver também um quadro de uma grave enfermidade conhecida por trombose, pois o cigarro pode aumentar a viscosidade do sangue tornando-0 mais denso.

Orientações para Prevenir as Doenças Cardiovasculares

Várias orientações podem ser dadas para que a pessoa possa prevenir as doenças cardiovasculares, sendo que as mais importantes são: Fazer um acompanhamento médico seguindo suas prescrições no que diz respeito ao controle da alimentação, a prática regular de exercícios físicos, fazer frequentemente o controle da pressão arterial  e principalmente evitar o vício do tabagismo.

Por Salete Dias